LGPD: o que é e como preparar sua empresa para cumpri-la

Você sabia que a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) entrará em vigor em agosto e muitas coisas irão mudar? O intuito deste regulamento é a proteção das informações pessoais que os usuários passam para as empresas, possibilitando o direito de remover, desabilitar ou alterar o cadastro a qualquer momento, além das empresas serem obrigadas a avisarem e indenizarem, caso haja vazamento desses dados.

Para ajudar você a entender melhor sobre essa lei, vamos explicar o que é, qual a origem e como se preparar para se adequar à LGPD. Se prepare para aprender tudo sobre esse regulamento para se prevenir das punições e fazer parte da nova lei brasileira de segurança de informação.

O que é a LGPD?

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (n° 13.709/18) determina que todo empreendimento brasileiro ou do exterior que possua informações dos cidadãos, precisa assegurar a segurança dos seus clientes quanto ao armazenamento, compartilhamento, utilização e a administração dos dados, respeitando as normas impostas pela LGPD.  

A lei será fiscalizada, orientada e regulada pela Autoridade Nacional de Proteção de Dados Pessoais (ANPD), quem descumprir o que está disposto no regulamento terá que pagar a penalidade de 2% do faturamento anual ou até R$ 50 milhões, dependendo do grau da infração cometida pelo empreendedor. Além da ANPD, também terão os agentes de tratamento de dados nas organizações, eles serão divididos em: controlador, operador e encarregado.

O que significa a GDPR?

A LGPD foi criada em cima do regulamento europeu intitulado como General Data Protection Regulation (GDPR) para proteger os direitos dos cidadãos europeus sobre as informações pessoais que são repassadas para as empresas. Ela entrou em vigor em maio de 2018 na União Europeia para garantir os direitos e a liberdade dos dados pessoais dos indivíduos, além de assegurar maior segurança no tratamento de dados pelas empresas.

Como se preparar para cumprir a LGPD?

Como vimos acima, as empresas terão que se enquadrar em diversos pontos impostos como obrigatórios e que todos os empreendedores brasileiros mesmo no exterior terão que cumprir. Saiba quais são os principais passos para se preparar e se adequar à LGPD:

  • Elaborar um diagnóstico na base de dados da empresa;
  • Apontar em quais pontos o negócio precisa se adequar;
  • Gerar um mapeamento completo;
  • Fazer as melhorias e atualizações necessárias nos processos.

Conte com a Asuris!

Agora você entende melhor sobre a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais? Se precisar de ajuda de como se adequar a esse regulamento, você pode contar conosco! A Asuris quer ajudar você a se preparar para não ter nenhuma punição e chegar em agosto com todo o controle e segurança das informações pessoais dos seus clientes! 

Entre em contato com um de nossos consultores especializados em soluções tecnológicas para tirar todas as suas dúvidas e levar mais segurança para a sua empresa.

por | 2020-02-27T02:11:55+00:00 fevereiro 26th, 2020|Notícias|