Ciberataques a empresas no Brasil sobem 21% em um ano

Atualmente, empresas brasileiras estão mais suscetíveis aos ciberataques. Só neste ano, cresceu cerca de 21% o número de ataques online no Brasil, de acordo com o relato de executivos das 300 maiores empresas do País, consultados na 3ª Pesquisa Nacional Sobre Conscientização Corporativa em Segurança da Informação, conduzida pela Flipside, especializada no assunto.

Estes ataques acontecem, principalmente, porque os empresários não investem em ferramentas para se proteger de ataques feitos online. Ainda de acordo com a pesquisa, para mais de 73% dos entrevistados, a desatenção e o clique indevido em links inseguros recebidos via e-mail, SMS ou redes sociais é a maior preocupação.

Ainda assim, a preocupação dos executivos também gira em torno do compartilhamento de senhas e informações sensíveis em grupos de Whatsapp, fraudes telefônicas (vishing) e uso indevido de pendrives e similares.

É importante a vulnerabilidade no sistema de segurança pode gerar a perda de dados sigilosos, resultando em sérias consequências reputacionais e financeiras para as organizações. O Brasil possui números alarmantes: é o segundo país que mais perdeu financeiramente com ataques cibernéticos, atrás apenas da China.

Portanto, para amenizar os impactos negativos destes ataques, uma saída é entrar em contato com empresas que trabalham com a segurança da informação, como é o caso da Asuris. Para conhecer nossos serviços, entre em contato conosco!

By | 2018-09-28T20:23:44+00:00 outubro 11th, 2018|Uncategorized|