10 previsões de transformação digital que moldarão o futuro da TI

Sua empresa faz parte do grupo de líderes ou de retardatários? Em alguns anos apenas um desses grupos terão espaço no mercado de tecnologia e é preciso estar preparado!

A área de Tecnologia da Informação já tem mostrado mudanças significativas com o crescimento das empresas preocupadas em iniciar sua transformação digital, e com o  surgimento dos mais diversos recursos tecnológicos, nasce a dúvida sobre o futuro da TI dentro das empresas.

Antecipamos que o setor não deixará de desenvolver! Já existem pesquisas que garantem que o mercado de tecnologia da informação tende a crescer, assim como a procura pelas empresas pelos serviços de TI. Pois, como já esperado, toda essa evolução tecnológica pode impactar a forma como os negócios são feitos atualmente e manter uma área de TI interna ou terceirizada continuará sendo necessidade.

Segundo o IDC, em pouco tempo existirão dois grupos de empresas: as líderes e as empresas retardatárias. 

O grupo das empresas líderes será formado pelas companhias que acompanharem as alterações do mercado e se adequaram para o cenário atual. Assim, o grupo dos retardatários será formado pelas empresas que não buscam realizar a transformação digital e se encontrarão sem estratégias e competitividade diante da atual situação do mercado.

A pesquisa também mostra 10 projeções que deverão se concretizar em um futuro próximo, em uma média de cinco anos. Veja a seguir:

1 – Os investimentos no mercado de TI continuarão em crescimento

A primeira das projeções já deixa o mercado otimista, pois além de confirmar a firmeza no futuro do mercado de TI, abre os olhos para investidores que, de acordo com outra pesquisa, empresas de todo o mundo devem dedicar US$3,7 trilhões no segmento de TI para que estejam alinhadas à transformação digital.

2 – Empresas líderes serão maioria

Por mais que esta divisão entre grupos de empresas assuste, uma das previsões é otimista em relação ao número de empresas líderes. Elas tomarão, no mínimo, uma fatia de 55% do mercado.

3 – Aumenta a importância do cliente  

Ainda dentro do prazo previsto, existe a projeção de aumento na importância do cliente na saúde do negócio. A preocupação em oferecer serviços que garantem além de bons resultados, uma ótima experiência, tende a crescer.

4 – Gestão dos negócios mais competitiva

Desafios à vista! Com tanta inovação e mudança no mercado, espera-se que as empresas sejam pró-ativas em desenvolver novas fórmulas para a competitividade a fim de criar novos meios de captar clientes e desenvolver as funções da empresa por meio de recursos de gerenciamento de dados e monetização.

5 – Vagas de trabalho serão substituídas

Além dos desafios na gestão do grupo de empresas Líderes, para boa parte do grupo G2000 –  grupo das 2000 maiores empresas listadas pela revista Forbes – a dispensa de certos tipos de funções será uma realidade, uma vez que sistemas avançados já realizam certos processos operacionais.

6 – Grandes empresas devem investir 10% do seu capital global em TI

Segundo o IDC, o G2000 são líderes agressivos da Transformação Digital e serão eles os responsáveis por dissuadir as inovações e novidades disponíveis dos mercados em que atuam.

7 – Intensificação do uso de blockchain

Com ela, será possível para as indústrias expandir as plataformas digitais e reduzir os custos de transações em algo em torno de 35%.

Num percentual pouco menor, de 30%, o blockchain irá permitir que fabricantes e varejistas dos mais diversos lugares do mundo criem cadeias de fornecimento colaborativas, além de disponibilizar aos clientes o histórico de produtos, de forma que a credibilidade e confiança dos negócios sejam ampliadas. (Fonte: Comstor)

8 – Declínio dos pontos de CDO nas empresas

Já não existirá a necessidade de um Chief Digital Officer (CDO) nas empresas, uma vez que a tecnologia será completamente incorporada às atividades da companhia. Dessa forma, espera-se que mais da metade dos CEOs passem a maior parte do seu tempo em iniciativas digitais para a empresa.

9 – Novos métodos no recrutamento 

Como toda a mecânica de trabalho na era da transformação digital deve mudar, os métodos de contratação e recrutamento não deverão ficar de fora. E a principal causadora desta mudança é a Inteligência Artificial (AI), que irá ajudar cerca de 35% dos profissionais a desenvolver suas atividades e funções no dia a dia.

10 – Novos conjuntos de KPI 

Entre todas as previsões de mudanças, uma das mais expressivas é referente às empresas que irão incorporar novos indicadores (KPIs), com foco nas taxas de inovação de produtos e serviços e na capitalização de dados, será algo em torno de 95%.

Dentre tantas previsões e apostas, cabe às empresas começarem a se adaptar às mudanças do mercado com a transformação digital. Mudanças essas que podem alterar desde a maneira como são desenvolvidos os negócios até o método de escolha de pessoal para uma equipe. 

De tudo que se pode prever, a maior certeza é que a tecnologia deve crescer ainda mais e influenciar cada vez mais a sociedade.

por | 2019-08-13T20:16:08+00:00 agosto 13th, 2019|Notícias|